Comemoramos, no segundo domingo de novembro, o Dia do Diácono Batista. No capítulo 6 de Atos dos Apóstolos, Lucas faz a narrativa de um problema na Igreja de Jerusalém, quando os helenistas estavam murmurando, protestando contra os hebreus, porque as viúvas não estavam sendo devidamente tratadas. Esta murmuração estava colocando em risco a comunhão da Igreja, e era necessária uma rápida resposta dos apóstolos para a solução do problema.

Os apóstolos ouviram as queixas, identificaram o problema e agiram com rapidez e sabedoria vinda de Deus, decidindo escolher sete homens de boa reputação, cheios do Espírito Santo e de sabedoria, para ajudá-los nesta missão.

O resultado desta sábia decisão foi o crescimento vertiginoso da Igreja. Aqueles primeiros Diáconos, escolhidos pela Igreja, consagrados com a imposição das mãos dos apóstolos, foram chamados para servir e eram cheios do Espírito Santo e nós não podemos ser diferentes.

Neste tempo em que fomos chamados por Deus para servir como Diáconos, precisamos ser atuantes, não somente no dia da Ceia do Senhor, mas em todo o tempo, apoiando e auxiliando os Pastores nas visitas, caminhando lado a lado com eles, promovendo a paz, agindo sempre com sabedoria e inteligência.

Precisamos de Diáconos e Diaconisas que sejam fiéis seguidores de Cristo, que estudem a Palavra, que se dediquem a oração, que saibam ir além de suas funções, que sejam corajosos, com disposição para enfrentar as crises, que tenham visão, amor, fé e que sejam pacíficos.

Deus levantou os primeiros Diáconos: Estevão, Filipe, Prócoro, Nicanor, Timão, Pármenas e Nicolau. Eles nos deixaram marcas de sabedoria e fé. Também levantou Diáconos e Diaconisas que deixaram marcas com suas atitudes de compaixão, envolvimento espiritual, sendo fiéis testemunhas de Cristo.

Queridos Diáconos e Diaconisas, chamados por Deus para servir, que possamos realizar um ótimo trabalho, conquistando o respeito dos irmãos na fé, deixando marcas relevantes para a Igreja atual.

“Pois os que servirem bem como Diáconos irão adquirir um lugar de honra e muita confiança na fé que há em Cristo Jesus.” (1 Timóteo 3.13)

Que tenhamos todos um feliz e abençoado “Dia do Diácono Batista”.

Dc. Paulo Penido
Presidente da Associação dos Diáconos Batistas Cariocas
1° Secretário da Associação dos Diáconos Batistas do Brasil